segunda-feira, 11 de abril de 2011

           Apostasia
 que
         conduz
 O
       Homem
 A
       ruína!

"O Espírito diz expressamente que, nos últimos tempos, alguns hão de apostatar da fé, dando ouvidos a espíritos embusteiros e a doutrinas diabólicas,de hipócritas e impostores que, marcados na própria consciência com a infâmia," (1Tm 4,1-2)


Uma das marcas fundamentais dos últimos dias é a apostasia, o afastamento de Deus , o desvio da palavra e da vontade do Senhor e na atualidad muitos tem seguido este caminho baseando-se em erros, engano, mentiras apregoadas na terra, que apregoa que este mundo é eterno e os bens permanentes ou até o ser humano imortal, porém tudo é perecível e passa, mas os homns não se apercebem disso e gastam sua vida sem darem a glória devida a Deus e sem solidificarem-se espiritualmente.
A estratégica do materialismo ser apregoado como algo de importância superior ao senhor é antiga, proede de faraó, que quando convocado por Deus para liberar o povo para oferecerem cultos ao Senhor, prontamente alegou que aquilo era falta do que fazer, pois uma pessoa ocupada jamais se preocuparia com estas coisas, e passou a impor escravidão maior aos israelitas visando ocupá-los e cansa-los a ponto de desgastados desistirem de buscar pela vida espiritual, porém percebam que o culto era somente um ponto baseado na grande obra que o /senhor iria fazer, pelo culto prestado Deus ia trazer a grande libertação ao povo, pelo louvor, adoração, ofertas dedicadas iria ocorrer obra eterna sobre eles, pois deus queria levá-los a uma terra que mana leite e mel, levá-los a usufruir de uma condição e de oportunidades que eles nunca experimentariam se não fosse pela benção do Senhor em suas vidas.
Exodo 5
1. Depois disso, Moisés e Aarão dirigiram-se ao faraó e disseram-lhe: “Assim fala o Senhor, o Deus de Israel: deixa ir o meu povo, para que me faça uma festa no deserto”.
3. Eles prosseguiram: “O Deus dos hebreus nos apareceu. Deixa-nos ir ao deserto, a três dias de caminho, para oferecer sacrifícios ao Senhor, para que não nos fira ele pela peste ou pela espada”.
4. O rei do Egito disse-lhes: “Moisés e Aarão, por que quereis desviar o povo do seu trabalho? Ide às vossas ocupações”.
5. E ajuntou: “O povo é, atualmente, numeroso, e vós o faríeis interromper seus trabalhos!”
6. Naquele mesmo dia, deu o faraó ao inspetor do povo e aos vigias esta ordem:
7. “Não fornecereis mais, como dantes, a palha ao povo para fazer os tijolos: irão eles mesmos procurá-la.
8. Entretanto, exigi deles a mesma quantidade de tijolos que antes, sem nada diminuir. São uns preguiçosos. É por isso que clamam: queremos ir oferecer sacrifícios ao nosso Deus.
9. Que sejam sobrecarregados de trabalhos ocupem-se eles de suas tarefas e não dêem ouvidos às mentiras que se lhes contam!”
10. Os inspetores e os vigias do povo foram dizer-lhes:
11. “o faraó manda-vos dizer que já não vos fornecerá palha; e que vós mesmos devereis procurá-la onde houver, mas nada se diminuirá de vosso trabalho”.
12. Espalhou-se, pois, o povo por todo o Egito para ajuntar restolhos em lugar de palha.
13. Os inspetores instavam com eles, dizendo: “Aprontai vossa tarefa diária, como quando se vos fornecia palha.”
14. Açoitavam até os vigias israelitas que os inspetores do faraó tinham estabelecido sobre eles. Diziam-lhes: “Por que não terminastes, ontem e hoje, como antes, o que se vos havia fixado de tijolos a fazer?”
15. Os vigias israelitas foram queixar-se ao faraó: “Por que, perguntaram eles, procedes desse modo com os teus servos?
16. Não se nos fornece mais a palha e se nos diz: fazei tijolos. E chegam até a nos açoitar (como se) teu povo estivesse em falta”.
17. O faraó respondeu: “Vós sois uns preguiçosos, sim, uns preguiçosos! É por isso que dizeis: queremos ir oferecer sacrifícios ao Senhor.
18. E agora, ao trabalho! Não se vos fornecerá a palha, mas deveis entregar a mesma quantidade de tijolos.”

O trabalho é uma benção de deus , mas a priorização do senhor é fundamental para gerar o milagre, a provisão, um sustento abençoado e a prosperidade para os filhos de Deus, porém a apostasia tem tomado conta da terra, e os homens ja nem se importam com o afastamento de Deus, com a ausencia por meses dos cultos de adoração, pela falta de dedicação, não se apercebem da negligencia, abandono e desmazelo que tem tratado a obra de Deus, mas ao contrário ensandecidos e enganados ainda se gloriam pelas suas muitas ocupações que não os permite ir a casa de Deus. Colocam-se como pessoas superiores e elevadas por não terem tempo para cultuar ou participar da obra de deus, não vendo que são enganados e iludidos escravos deste mundo perecível que nada vai lhes acrescentar senão por um período mas certamente os decepcionará:
"O mundo passa com as suas concupiscências, mas quem cumpre a vontade de Deus permanece eternamente". (1Jo 2,17)
O ensino de Deus para a humanidade é, busque a deus primeiro e tudo será acrescentado na sua vida, pois na verdade tudo que você fizer depois da benção recebida é certamente vitória e conquista para sua vida, aquilo que você se desgastaria para colher por causa de Deus você abençoadamente será honrado, e o seu trabalho nunca será vão, mas para isso priorize Deus, não entre na apostasia apregoada pela terra:
"Buscai em primeiro lugar o Reino de Deus e a sua justiça e todas estas coisas vos serão dadas em acréscimo". (Mt 6,33)
De ao Senhor o que lhe pertence, entegue a ele o louvor eo culto pois é Deus o teu criador e aquilo que compete ao mundo virá nas suas mãos:
"De César, responderam-lhe. Disse-lhes então Jesus: Dai, pois, a César o que é de César e a Deus o que é de Deus". (Mt 22,21)
A apostasia tem tomado conta da terra e tem gerado deformações terríveis no ser humano, deformações espirituais, morais e éticas irreparáveis e a cada geração o grau de decomposição moral é maior, pois há um desgaste total dos valores, uma total desvalorização dos conseitos sagrados, santos e divinos, veja o perfil dos habitantes da terra nos últimos dias:
"Nota bem o seguinte: nos últimos dias haverá um período difícil.
Os homens se tornarão egoístas, avarentos, fanfarrões, soberbos, rebeldes aos pais, ingratos, malvados, desalmados, desleais, caluniadores, devassos, cruéis, inimigos dos bons,traidores, insolentes, cegos de orgulho, amigos dos prazeres e não de Deus,ostentarão a aparência de piedade, mas desdenharão a realidade. Dessa gente, afasta-te!" (2Tm 3,1-5)

Perceba é muito claro a apostasia, o afastamento de Deus gera consequências, e o mundo está preparado para o anti-Cristo, e este só poderá se manifestar quando esta apostasia tiver tomado grandes proporções como na verdade já tem tomado, pois somente desta forma ele será aceito e venerado:

"Ninguém de modo algum vos engane. Porque primeiro deve vir a apostasia, e deve manifestar-se o homem da iniqüidade, o filho da perdição," (2Ts 2,3)

O Senhor tem convidado os seus para , se alimentarem do Pão que é a Palavra a Palavra gera fé , transformação, todavia os homens recusam tal grandiosidade, pois cegos por este mundo falível preferem ocupar-se com o que é perecível e destrutível:

Salmos 48 Bíblia Católica
Salmos 49 Bíblia Comum

7. Eles confiam em seus bens, e se vangloriam das grandes riquezas.
8. Mas nenhum homem a si mesmo pode salvar-se, nem pagar a Deus o seu resgate.
9. Caríssimo é o preço da sua alma, jamais conseguirá
10. prolongar indefinidamente a vida e escapar da morte,
11. porque ele verá morrer o sábio, assim como o néscio e o insensato, deixando a outrem os seus bens.
12. O túmulo será sua eterna morada, sua perpétua habitação, ainda que tenha dado a regiões inteiras o seu nome,
13. pois não permanecerá o homem que vive na opulência: ele é semelhante ao gado que se abate.
14. Este é o destino dos que estultamente em si confiam, tal é o fim dos que só vivem em delícias.
15. Como um rebanho serão postos no lugar dos mortos; a morte é seu pastor e os justos dominarão sobre eles. Depressa desaparecerão suas figuras, a região dos mortos será sua morada.
16. Deus, porém, livrará minha alma da habitação dos mortos, tomando-me consigo.
17. Não temas quando alguém se torna rico, quando aumenta o luxo de sua casa.
18. Em morrendo, nada levará consigo, nem sua fortuna descerá com ele aos infernos.
19. Ainda que em vida a si se felicitasse: Hão de te aplaudir pelos bens que granjeaste.
20. Ele irá para a companhia de seus pais, que nunca mais verão a luz.
21. O homem que vive na opulência e não reflete é semelhante ao gado que se abate.


Por isso Não haja como estes convidados , cheio de desculpas para não irem a presença do Senhor, um alegou que comprou um terreno, outro carros de boi e outro casamento, porém o Senhor da casa indignado mandou chamar mais e mais gente para festejarem com ele, todavia mesmo chamando muitos ainda ficou sobrando lugares, assim ocorre no reino de Deus, o Senhor tem festa, tem espaço , tem prosperidade e bençãos para o seu povo, porém estes preferem afastarem-se, orgulhosamente e astutamente envolverem-se em muitos embaraços, não se importam de estarem ausentes, de não buscarem , de não zelarem pela vida espiritual e a verdade é vai sobrar espaço, pois Deus tem lugar para todos os seus mas muitos ficarão de fora, pois preferiram amar este mundo, e não amaram a Deus:

"A estas palavras, disse a Jesus um dos convidados: Feliz daquele que comer o pão no Reino de Deus!"
Respondeu-lhe Jesus: Um homem deu uma grande ceia e convidou muitas pessoas.
E à hora da ceia, enviou seu servo para dizer aos convidados: Vinde, tudo já está preparado.
Mas todos, um a um, começaram a escusar-se. Disse-lhe o primeiro: Comprei um terreno e preciso sair para vê-lo; rogo-te me dês por escusado.
Disse outro: Comprei cinco juntas de bois e vou experimentá-las; rogo-te me dês por escusado.
Disse também um outro: Casei-me e por isso não posso ir.
Voltou o servo e referiu isto a seu senhor. Então, irado, o pai de família disse a seu servo: Sai, sem demora, pelas praças e pelas ruas da cidade e introduz aqui os pobres, os aleijados, os cegos e os coxos.
Disse o servo: Senhor, está feito como ordenaste e ainda há lugar. (Luc.14:15-22)

pois como loucos, acham que viverão eternamente e tudo lhes ira bem, mas enganam-se pois este muito é traiçoeiro e os dias são maus, no momento em que menos esperam são pegos de surpresa , por isso muitos desmaiariam de terror nos últimos dias (Luc.21) por isso tanta depressão, suicídio, mortes, assassinatos, crises pois a humanidade esqueceu-se de Deus e optou por contruir num terreno frágil e instável que é o mundo, e quando seus castelos de areia caem, eles não tem em quem se apegar, pois estão muito longe de Deus ou melhor muitos nem O conheceram, ababdone as justificativas, dÊ lugar para Deus em sua vida, pare de desculpas, honre ao Senhor e afirmo sua casa não será erquiga sobre a areia frágil, mas tudo que tiveres, estará debaixo da benção e não te atingirá, pois sua riqueza eterna estará sempre guardada e preservada com Deus, seu amor próprio, fé, amor e esperança...

"15. E disse então ao povo: Guardai-vos escrupulosamente de toda a avareza, porque a vida de um homem, ainda que ele esteja na abundância, não depende de suas riquezas.
16. E propôs-lhe esta parábola: Havia um homem rico cujos campos produziam muito.
17. E ele refletia consigo: Que farei? Porque não tenho onde recolher a minha colheita.
18. Disse então ele: Farei o seguinte: derrubarei os meus celeiros e construirei maiores; neles recolherei toda a minha colheita e os meus bens.
19. E direi à minha alma: ó minha alma, tens muitos bens em depósito para muitíssimos anos; descansa, come, bebe e regala-te.
20. Deus, porém, lhe disse: Insensato! Nesta noite ainda exigirão de ti a tua alma. E as coisas, que ajuntaste, de quem serão?
21. Assim acontece ao homem que entesoura para si mesmo e não é rico para Deus." (Lc 12,15-21)
Todo aquele que wse prende a este mundo, ama-o mais do que a Deus, vai sofrer muito, pois este mundo é corruptível, não é estável somente Deus é eterno:
"Não ameis o mundo nem as coisas do mundo. Se alguém ama o mundo, não está nele o amor do Pai. Porque tudo o que há no mundo - a concupiscência da carne, a concupiscência dos olhos e a soberba da vida - não procede do Pai, mas do mundo". (1Jo 2,15-16)
Não deixe para amanhã, busque a Deus agora, se posicione com o senhor hoje, amanhã pode ser tarde demais, ao invés de permaneceres bem hoje e amanhã mal, faça o contrário garanta um bom futuro na sua vida, pois ainda que hoje os dias estejamm dificeis mas com Deus presente no seu barco, a maior tempestade será detida e o mal não te destruirá, e no teu porvir viverás dias de graça e calma pela presença de Jesus:
"Mas, lembra-te de teu Criador nos dias de tua juventude, antes que venham os maus dias e que apareçam os anos dos quais dirás: Não sinto prazer neles;" (Ecl 12,1)
Dê glórias ao Senhor agora, antes que venham os dias maus, antes que venham as trevas e o mal te pegue de surpresa, ainda que Deus te ame muito ele assistirá em lágrimas a tua queda, pois foi opção tua, é o teu livre árbitrio, que lhe trará retorno , o egoísmo, orgulho, apostasia, frieza impossibilitou que ouvisses a voz de deus te dirigindo para um futuro melhor, levante-se agora e busque ao Senhor, adore-o, invoque-o e ele satisfará o desejo do seu coração:
"Dai glória ao Senhor, vosso Deus, antes que venham as trevas, e antes que tropecem os vossos pés nos montes tenebrosos. A luz que esperais será transformada em escuridão, pois que ele a converterá em noite profunda". (Jr 13,16)
"Se não prestardes ouvidos, a minha alma derramará lágrimas em segredo por vosso orgulho, e meus olhos se fundirão em pranto, por causa da deportação do rebanho do Senhor". (Jr 13,17)
"Buscai o Senhor, já que ele se deixa encontrar; invocai-o, já que está perto". (Is 55,6)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Meu album de fotos.

Recent Visitors

Seguidores

Arquivos do blog